Blog do Dr. Alexandre Faisal

10/04/2014

40% dos homens casados tornam-se pais sem planejamento

Estudos sobre planejamento e grau de satisfação com a gestação são quase que exclusivamene feitos com mulheres. Uma publicação americana aborda o tema nos homens

Na sua opinião, os homens ficam mais felizes que as mulheres com o diagnóstico da gravidez ? Clique aqui para votar

         Quando se pensa em planejamento da gestação e desejo de ter filhos, logo vem a nossa cabeça a imagem da mulher. Ninguém pensa de imediato no homem, ou mesmo, no pai do futuro bebê. Alguns homens podem até ficar ressentidos com esta falta de consideração. E de fato existem poucas informações e estudos sobre intenção de engravidar entre os homens. Pois bem. Um autor americano resolveu preencher esta lacuna a partir de dados obtidos de 2006 a 2010 numa investigação entitulada Pesquisa Nacional de Crescimento Familiar. Eles queriam estimar não só a intenção dos homens terem filhos, mas também o grau de felicidade com isso. A entrevista cobria um período de 5 anos prévios. Foram incluídos mais de 10400 homens e mais de 12 mil mulheres, com taxa de participação superior a 75%.

         Os pesquisadores avaliaram o desejo de ter filho e grau de felicidade com notícia da gestação da esposa por meio de perguntas diretas e escalas numeral variando de 1 a 10. Vejamos o que estes homens têm a dizer. Cerca de 4 em 10 nascimentos foram classificados pelos homens como não planejados. Mas, por outro lado, 62% dos nascimentos receberam uma nota 10 na escala de felicidade. Claro que o estado civil, se casado ou não, influenciou o grau de felicidade. Mas pelo menos um resultado chama (muito) a atenção. Na comparação com as mulheres, os homens se disseram mais felizes em relação à gravidez.

         Os autores concluem afirmando que é preciso incluir os homens, maridos ou parceiros, nas estratégias preventivas da gestação não planejada. Parece um tanto óbvio levando em conta a participação do homem na gestação e lembrando que, como muitos defendem, homem também engravida na gravidez da mulher. (Laura Duberstein Lindberg • Kathryn Kost .Exploring U.S. Men’s Birth Intentions. Matern Child Health J (2014) 18:625–633)

Escrito por Dr. Alexandre Faisal às 11h40

Sobre o Autor

Alexandre Faisal é ginecologista-obstetra, pós-doutor pela USP. Formado em Psicossomática pelo Instituto Sedes publicou o livro "Ginecologia Psicossomática" (Editora Atheneu). Participou do programa "Olha Você" do SBT e atualmente é colunista da Rádio USP (FM 93.7) e da Rádio Bandeirantes (FM 90.9). Já realizou diversas palestras médicas no país e no exterior. Apresenta palestras culturais em empresas sobre temas que tratam do universo feminino (Amantes na Arte, Mentes Inovadoras, O Erotismo).

Sobre o Blog

Acompanhe os boletins do "Saúde feminina: um jeito diferente de entender a mulher" que discutem os assuntos que interessam às mulheres e seus parceiros. Uma abordagem didática e bem-humorada das mais recentes pesquisas nacionais e internacionais sobre temas como gravidez, métodos anticoncepcionais, sexualidade, saúde mental, menopausa, adolescência, atividades físicas, dieta, relacionamento conjugal, etc. Aproveite.

Livro

Alexandre Faisal é coautor do livro "Segregos de Mulher - Diálogos entre um ginecologista e um psicanalista"



(Alexandre Faisal Cury e Rubens Marcelo Volich, Ed. Atheneu).

Histórico